Liga da Justiça | É REAL! Warner Bros. anuncia Snyder Cut

maio 20, 2020

Foto: Divulgação / Warner Bros. Pictures
A notícia soa tão surreal, que custo acreditar que é verdadeira. Sim, a "Liga da Justiça" no Corte de Zack Snyder é real, e será lançada no serviço de streaming HBO Max, em 2021. (Onde estão aqueles que duvidavam que isso era possível? Aonde estão? Ninguém os vê!)

No começo dessa semana, diversos jornalistas e insiders falaram sobre #SnyderCut em suas redes, especulando o que foi confirmado hoje. A atenção ficou voltada na Watch Party que o diretor Zack Snyder realizaria em sua rede social VERO, sobre o filme "O Homem de Aço".

O ator Henry Cavill, que interpreta o Superman, também apareceu na live do diretor e conversou com alguns fãs. Após isso, a Warner Bros. fez o anúncio oficial, confirmando o lançamento de "Liga da Justiça" para o ano que vem, pela plataforma HBO Max.


O mais interessante é que no ano passado, no dia que o filme completava 2 anos de seu lançamento, houve uma intensa movimentação nas redes sociais, da qual deixou de ser apenas um "barulho de fãs". No dia 17 de Novembro, a hahstag #ReleaseTheSnyderCut foi uma dos assuntos mais comentados do mundo, sendo aderido por diversas personalidades, incluindo o próprio elenco do filme e a produção.


Além de Ben Affleck (que interpretou Batman) e Gal Gadot (atual Mulher-Maravilha), em diversos momentos o ator Jason Momoa, que interpreta Aquaman, se mostrou a favor do lançamento do corte de Zack Snyder, citando isso não apenas em entrevistas, como em sua conta oficial do Instagram, alegando que havia assistido a versão diretor do filme.

“Acho que o público precisa ver. Claro que estou em dívida com a Warner e DC e não sei como eles se sentem sobre isso, mas, como fã, estou muito feliz por assistir”.

Como, também, entrevista cedida a MTV News, no ano passado.
 

O movimento Release The Snyder Cut ganhou força fora das redes sociais, quando cartazes, financiados por fãs, foram divulgados pelas cidades dos EUA. A campanha acabou ganhando destaque de utilidade pública, pois foi além de ser apenas um pedido de liberação da versão diretor do filme Liga da Justiça, serviu de apoio a Snyder que se afastou do projeto, devido ao suicídio da filha. A mobilização, apenas com o apoio dos fãs, conseguiu arrecadar cerca de US$ 100 mil para prevenção de suicídio.

Nunca será apenas mais um filme de heróis.
Liga da Justiça foi lançado em novembro de 2017 e Joss Whedon assumiu as filmagens de Liga da Justiça depois da saída de Snyder. O filme arrecadou cerca de US$ 657 milhões no mundo, enquanto esteve em cartaz.

Valeu por todo tweet feito, por toda raiva passada, por toda esperança depositada e por toda vez que escutamos "superem isso de Snyder Cut". Valeu, valeu muito! Essa notícia é uma vitória de todos fãs da DC Comics.

É Andre, sem acento mesmo. Adoro implicar com a Marvel, então já sabe, se ficar bravo é pior.

Você pode gostar também

0 comentários